Este website utiliza cookies para melhorar a navegação. Ao navegar no website estará a consentir a sua utilização. Para saber mais clique aqui.

Cortina Header
  Gestão Orçamental

Realizar poupança

Saiba mais »

 | Realizar poupança  | Realizar poupança
Lifestyle

Dia dos Namorados: 7 ideias divertidas para celebrar

Publicado em 23-01-2018 por Cofina Conteúdos

Na data em que um pouco por todo o mundo se celebra o amor, aproveite e torne este dia ainda mais memorável para o amor da sua vida ou, porque não?, para um(a) amigo(a) especial.

O Dia de São Valentim, 14 de fevereiro, está a chegar e com ele a oportunidade de brilhar e encantar com um gesto romântico para celebrar o amor da sua vida, num brinde ao amor.

Jogo de enigmas

Uma excelente forma de iniciar o dia é aguçar a curiosidade da sua cara-metade. Comece logo de manhã a enviar-lhe SMS ou mensagens através de outras apps que prefira com enigmas. O objetivo é levá-lo(a) a descobrir o local onde vai estar à noite à sua espera para jantar ou cear. Por cada boa resposta, envie outra pista, mas não facilite. Deixe-o(a) dar algumas voltas à cabeça. Prossiga ao longo do dia.

Breakfast at Tiffany’s?

Começar bem o dia é algo que toda a gente gosta. E mesmo não sendo no Tiffany, um bom pequeno-almoço servido na cama é sempre bem-vindo. Atenção, no entanto, não vale acordar o outro com os preparativos e, como este ano, dia 14 de fevereiro é uma quarta-feira, a não ser que estejam de férias, há que antecipar um bocadinho a hora de acordar o seu(sua) mais-que-tudo para ninguém se atrasar. Não vivem juntos? Passe pela pastelaria, reúna as iguarias preferidas – não se esqueça do café – et voilà, só tem de tocar à campainha ou ligar e dizer: “Amor, estou à tua porta.” Já agora, junte um ramo de flores.

Batismo de…

Se o objetivo é assinalar de forma memorável este Dia dos Namorados e não se importa de esvaziar um pouco mais a carteira para fazer feliz o amor da sua vida, um batismo de parapente pode ser uma boa opção – desde que a sua cara-metade não tenha pavor de alturas. Um pouco mais ousado, mas inesquecível, é um batismo de para-quedas, com alguns segundos em queda livre iniciais – neste caso, prepare-se, porque o mais provável é voltar ao local, ou a outro, para repetir a experiência. Sim, é assim mesmo bom. Mais tranquilo é um voo em balão de ar quente, uma experiência estonteante.

Hora de aprender

Lembra-se daquela aula ou workshop que a sua cara-metade queria tanto fazer, mas que a si não diz grande coisa? Pois é, está na hora de soltar o altruísmo que há em si e atirar-se de cabeça! Tango, sevilhanas, cozinha afrodisíaca ou tailandesa, iniciação à prova de vinho, cocktails, para começar bem a noite, mecânica de bicicleta… as opções são mesmo muitas; basta uma pesquisa na net para ficar a par das várias opções junto de si.

Piquenique al fresco

Se não consegue esperar pelo jantar para surpreender a sua cara-metade, um almoço a dois é sempre uma boa opção. Reúna uma manta para estender sobre a relva, encha um cesto com divinas iguarias, queijo, fruta, tostas, patês, carnes frias, por exemplo, de preferência com uma garrafa de vinho a acompanhar – não se esqueça dos copos.
A chuva ameaça estragar-lhe os planos? Puxe pela cabeça e descubra um espaço alternativo por perto.

A primeira saída (re)inventada

Ainda se lembra da primeira saída a dois, dos olhares trocados, a expectativa, a descoberta? E se pudesse voltar atrás e viver tudo novamente? Viajar no tempo inda não é possível, mas recriar o momento sim. Deixe uma nota ou mensagem a combinar um encontro para a mesma hora sensivelmente, se possível, e local – dependendo da situação, pode também deixar bilhetes para o cinema ou teatro ou jogo de futebol, quem sabe?
Quando ambos chegarem, finjam que é a primeira vez que se encontram e deixem o momento fluir.

Emoções fortes?

Para os mais destemidos – e na mesma onda!!! – e porque nem todos gostam de corações e flores, The Escape Hunt Experience, em Lisboa, tem três desafios disponíveis: O Mistério de Fernando Pessoa, Iniciação a uma Sociedade Secreta, O Terramoto de 1755. Objetivo: descobrir as pistas e resolver os enigmas apresentados ao longo de 60 minutos, fechados numa sala, e “escapar se tiveres sorte”…

Mais para norte, no Porto, no No Way Out Escape Room Porto, Invictus é o nome do jogo, que desafia os participantes a “voltar ao passado e trazer de volta a história da cidade Invicta”. Conseguirão regressar?