Cortina Header
  Gestão Orçamental

Tenha consciência dos seus proveitos e dos seus gastos

Saiba mais »

 | Tenha consciência dos seus proveitos e dos seus gastos  | Tenha consciência dos seus proveitos e dos seus gastos
Lifestyle

De férias sem o seu animal de companhia

Publicado em 14-06-2017 por Cofina Conteúdos

Vai viajar nas férias e não sabe onde deixar o seu cão ou gato? Ficam algumas sugestões.

Se tem um patudo por companhia e vai de férias, o ideal é levá-lo consigo. De carro, comboio ou avião, é relativamente fácil fazer-se acompanhar pelo seu animal de estimação. Há no entanto que se prepara e informar-se atempadamente, sobretudo se for para o estrangeiro, em particular destinos fora da Europa. As leis e regulamentações diferem de país para país, havendo casos em que é exigida quarentena, por isso convém estar atento para evitar dissabores. Em qualquer dos casos, o boletim de vacinas deve estar em dia, tal como a licença, caso decida optar por viajar de comboio com o seu animal em Portugal. Certifique-se igualmente que o alojamento no destino é pet-friendly.

 

Lar, doce lar

Uma boa alternativa, especialmente no caso de gatos, é deixar os animais em casa. Neste caso, tem várias opções: 1) “recrutar” um familiar ou amigo para se mudar temporariamente lá para casa – um bom dissuador também para os amigos do alheio; 2) pedir assistência a um amigo/família/vizinho para ir pôr comida e água, brincar um pouco e levar à rua a passear (ou limpar a caixa de areia no caso dos gatos); contratar os serviços de pet-sitting – atualmente há já uma grande oferta, por isso é fácil encontrar alguém perto de si.

Se o animal for sociável, tem também a hipótese de inscrever a casa num site de house-sitting e até recorrer ao mesmo para arranjar alojamento para as suas próprias férias.

 

Na minha casa ou na tua?

Deixar o fiel amigo em casa de alguma pessoa conhecida é outra hipótese. Mais uma vez tem a opção de recorrer aos serviços de pet-sitting, só que em vez de deixar o animal em sua casa, deixa-o com o pet-sitter que escolher.

 

Hotel ou spa

De norte a sul do país, encontra facilmente hotéis específicos para animais, uma boa oportunidade também para os animais socializarem e até mesmo melhorarem as suas maneiras. Antes de fazer a sua reserva, visite o local e certifique-se que o seu patudo fica bem entregue, com espaço para brincar e boxes limpas, por exemplo.

Veterinário

Muitas clínicas e hospitais veterinários disponibilizam já serviços de alojamento, ideais sobretudo quando os animais exigem cuidados de saúde, embora não seja condição essencial. Informe-se e decida juntamente com o veterinário do seu patudo se se trata da melhor solução.