Cortina Header
  Gestão Orçamental

Realizar poupança

Saiba mais »

 | Realizar poupança  | Realizar poupança
Lifestyle

Organização: melhore as suas listas de “A fazer”

Publicado em 16-08-2017 por Cofina Conteúdos

Uma das melhores formas de rentabilizar os seus dias, aumentando simultaneamente a sua produtividade, profissional e pessoalmente, as listas de tarefas são também uma forma de evitar a procrastinação. Saiba como ser mais proactivo.

Simplicidade deve ser a palavra de ordem na hora de elaborar a sua lista de tarefas diária. E contenção! Tem mesmo a certeza de que chegado o final do dia, vai conseguir concluir as dezenas de tarefas a que se propôs? Para evitar que a sua lista de tarefas se transforme num rol de objetivos não cumpridos, procure anotar o que realisticamente será capaz de concretizar, deixando alguma margem para imprevistos (se não houver e sobrar tempo, pode aproveitar para antecipar uma ou duas tarefas do dia seguinte. Caso contrário arrisca-se a perder parte do dia a martirizar-se pelas coisas que decididamente não terá tempo para fazer.

 

Quanto menos, melhor

Não se disperse por várias listas. Prefira apenas uma com tudo o que tem para fazer, profissional, pessoal e/ou socialmente. Aproveite igualmente para priorizar as tarefas, o que ajuda enormemente a gerir todo o dia e divida-as por manhã, tarde e noite, por exemplo, deixando as mais complexas para as alturas de maior produtividade. Ao priorizar, aproveite e defina logo o que é importante e o que é urgente. De acordo como Princípio de Eisenhower, o primeiro diz respeito às tarefas que visam a realização dos próprios objetivos, pessoais ou profissionais e o segundo às tarefas que requerem atenção imediata e que se estão por norma associadas aos objetivos de terceiros (há consequências imediatas por não se lidar com elas).

 

Defina estimativas de tempo

Habitue-se a fazer uma estimativa (real ou o mais aproximada da realidade possível) do tempo máximo para riscar a tarefa da sua lista e registe-a à frente de cada tarefa. O objetivo, naturalmente, é não o ultrapassar salvo raríssimas exceções. Discipline-se para o conseguir (não procrastinar, dizer “não” quando sabe que vai comprometer os seus planos, ter uma maior assertividade, etc. ajudam).

 

De véspera

Habitue-se a escrever a sua lista na noite anterior. Desta forma, além de dormir mais tranquilamente, poderá começar desde cedo a dar seguimento ao que precisa de fazer.

 

Reavalie as falhas

Ou melhor, tudo o que que não consegue riscar da lista e que é frequentemente adiado para outro dia. Analise o que é necessário fazer para completar a tarefa e tome as medidas necessárias para resolver a situação (não hesite em solicitar ajuda, se for preciso); não estranhe, no entanto, se chegar à conclusão que a tarefa em causa afinal não é tão prioritária como à partida supôs).