Powered by

Cetelem
Notas em Dia
Coma saudavelmente sem gastar muitoComa saudavelmente sem gastar muito

Coma saudavelmente sem gastar muito

Coma saudavelmente sem gastar muito

Com planeamento e algumas mudanças na rotina, poupar na alimentação e mesmo assim conseguir manter uma dieta saudável e equilibrada é mais fácil do que parece.

Planear as diferentes refeições é meio caminho andado para o sucesso e também para reduzir o desperdício. Escolha um dia da semana para planear as refeições para os sete dias seguintes e faça uma lista de compras com o que precisa. Não se esqueça antes de verificar o que tem na despensa e frigorífico e aproveite também os folhetos promocionais para saber o que está mais em conta.

Fazer o planeamento de diferentes refeições de uma só vez permite-lhe ter uma noção clara daquilo que come e fazer uma alimentação variada. Ao mesmo tempo dá-lhe a noção daquilo que realmente necessita, evitando comprar a mais e, depois, desperdiçar. Pode também aproveitar e transformar uma refeição em duas (ou três) usando (quase) os mesmos ingredientes, por exemplo, bacalhau cozido com grão, pataniscas e bacalhau à Brás, distribuídas ao longo da semana. Depois de guardadas no frigorífico ou congelador, dependendo do dia em que pretender consumi-las, é só tirar e aquecer. Se as guardar em recipientes que possam ir ao forno, micro-ondas e congelador, melhor ainda: poupa nos utensílios usados e na sua lavagem. Precisa de ideias? Uma pesquisa por batch cooking ajuda!

Não menos importante, compre apenas o que tem na lista. Em princípio não precisará de mais nada, uma vez que tem as refeições da semana programadas.

Folhetos, um bom aliado

Lá por estar mais barato, não tem de necessariamente comprar, mas se se tratar de uma boa promoção de um dos alimentos que usa frequentemente, aproveite. Certifique-se apenas da validade.

Produtos sazonais

Os alimentos de época, além de mais baratos, apresentam-se nas suas melhores condições, mais saborosos, mais desenvolvidos, com mais vitaminas, pelo que é de aproveitar. São também estes os produtos que deve aproveitar para compotas e conservas, por exemplo.

Prepare tudo no mesmo dia

Se se habituar a preparar as refeições todas para a semana no mesmo dia, vai descobrir que, além de poupar tempo, poderá cozinhar de forma mais saudável e não cairá na tentação de encomendar comida fora, por exemplo. Afinal, já terá tudo feito e à mão de semear. Também não perderá tempo nos dias restantes a perguntar-se o que fazer para o jantar ou a correr à pressa durante a hora de ponta para o supermercado para comprar os ingredientes que faltam. Cozinhar em casa sai-lhe ainda exponencialmente mais barato do que se comer fora.

Legumes e fruta congelados

Mantêm as mesmas qualidades e nutrientes dos frescos e, em muitas ocasiões, são mais baratos, por isso aproveite. Compare preços e opte pela versão mais em conta. No caso de framboesas e outros frutos vermelhos, a diferença é frequentemente significativa e pode consumi-los em papas de aveia ou batidos/smoothies sem interferência no sabor. Naturalmente, se optar por produtos pré-confecionados, o mais provável é encontrar versões mais baratas nos frescos.

Em caso de dúvida, congele

Quantas vezes não abriu o frigorífico para deitar alimentos estragados fora. Para evitar que isso aconteça, sempre que se aperceber de que pode não conseguir consumir antes que se estrague, congele. Funciona para quase tudo, fruta (congele já descascada e partida), legumes (convém branquear antes), pão, muitos queijos, leite ou bebidas vegetais, etc.

Menos carne sem sacrificar as proteínas

Experimente substituir a carne durante duas ou três refeições semanais por outras fontes de proteína, como ovos, sementes de cânhamo, de chia ou de abóbora, tremoços, tofu, leguminosas ou conservas de peixe.

Mistura de cereais DIY

Muesli, granola, barras energéticas, são inúmeras as receitas disponíveis à distância de um clique. Basta comparar, escolher a opção mais equilibrada e munir-se dos ingredientes necessários. Além de ficar mesmo ao seu gosto, o resultado final sairá bem mais acessível.

Recorra a uma aplicação Alguns cliques é tudo quanto precisa para descarregar uma aplicação gratuita para criar e gerir um orçamento, como a Mint, a YNAB, a Mvelopes, etc. Faça uma pesquisa para ver a que melhor se ajusta às suas necessidades e use-a.