Powered by

Cetelem
Notas em Dia
Como poupar em prendas este NatalComo poupar em prendas este Natal

Como poupar em prendas este Natal

Como poupar em prendas este Natal

Já em contagem decrescente para o Natal – falta menos de um mês -, saiba como ainda pode poupar, minimizando o rombo na carteira típico desta época.

Prendas, comida, roupa ou deslocações, almoços e jantares por mais que se queira evitar, a época natalícia traz consigo uma significativa dose de despesas acrescidas que podem representar uma parcela significativa do orçamento pessoal e/ou familiar, sobretudo quando a família é numerosa e os amigos se multiplicam.

Minimizar despesas sem comprometer o espírito natalício é, no entanto, possível, sobretudo para aqueles com as prendas ainda não riscadas da lista de afazeres para a quadra. Antes de começar, estabeleça um orçamento real daquilo que pode despender e certifique-se regularmente que está a cumpri-lo.

 

Fiel à lista

Definido o orçamento, é altura de fazer listas das pessoas de quem não pode esquecer-se, essenciais para se organizar e não perder o norte. Nesta fase convém igualmente discriminar o valor máximo a gastar com cada pessoa e cingir-se ao mesmo: reserve as prendas melhores para os aniversários e no Natal opte antes por lembranças.

 

Seja prático

No caso de famílias numerosas ou grupos de amigos grandes, a solução para um Natal mais em conta pode passar pelo “amigo secreto”. Assim todos recebem e os custos são muito menores – não se esqueça de definir o valor para as mesmas.

Se optar por compras online, procure juntar o máximo possível de artigos em cada encomenda para reduzir ou mesmo eliminar os portes de envio. Em sites estrangeiros, se tiver apenas um ou dois artigos para comprar, pergunte a um ou dois amigos se não se querem juntar para partilharem os portes.

 

Faça você mesmo

Se tem gosto por culinária ou gosta de bricolage, rentabilize esses dons e ofereça prendas feitas por si. Um cachecol ou uma gola nesta altura dá sempre jeito e ninguém recusa uma iguaria, como bolachas, chutneys ou compotas, por exemplo, ou uma peça de bijuteria. Se precisar de inspiração, sites como o Pinterest têm ideias surpreendentes – e úteis, com diferentes graus de dificuldade. Aproveite!

 

Espalhe o espírito de Natal

Nesta altura do ano, são muitas as instituições de solidariedade a comercializar produtos variados cujas receitas revertem para a implementação e desenvolvimento de projetos sociais e/ou ambientais a preços acessíveis. Há também muitos mercados de Natal com artigos novos e de segunda mão com propostas de moda, acessórios, gastronomia e outras artes com proposta originais a preços a começar em 1€. É o caso, por exemplo, do Christmas Sensations Market ou o Christmas Market do Ateneu (Porto), o Mercado de Natal do Campo Pequeno (Lisboa), a Feira das Almas (Lisboa), a Artenata – Feira de Natal (Ferragudo) ou a Feirinha de Natal (Moncarapacho e São Brás de Alportel), entre muitos outros.

Pode também dar uma espreitadela a sites como o The Hunger Site ou The NonProfits, onde um simples clique pode fazer a diferença na vida dos mais carenciados.

 

Rentabilize

Esta é também uma boa época para passar em revista o que tem em casa e selecionar o que já não usa – de roupa a brinquedos e dar ou vender em sites específicos para o efeito. Bicicletas, patins, consolas, cozinhas de brincar, etc., há decerto muito por onde escolher.

 

Promoções sempre bem-vindas

Apesar da Black Friday já ter passado, são inúmeras as lojas a oferecer promoções várias. Esteja atento e aproveite – dos chocolates aos livros, há muito por onde poupar. Atenção, no entanto: certifique-se que está a comprar porque compensa e não por estar simplesmente mais barato.