Powered by

Cetelem
Notas em Dia
Seis dicas para se vender melhorSeis dicas para se vender melhor

Seis dicas para se vender melhor

Seis dicas para se vender melhor

Vender um produto, um serviço ou até nós próprios, no caso de uma candidatura profissional, não é fácil: mas é uma capacidade que podemos aprender e desenvolver. Vê algumas formas de como o fazer.

Se julga que apenas os vendedores e comerciais precisam de saber vender, está enganado. Já pensou nas vezes que teve de convencer os seus pais a emprestarem-lhe o carro ou os seus filhos a comerem legumes? Estes são dois exemplos dados por Robert Herjavec, um dos “tubarões” do Shark Tank norte-americano, para ilustrar que os grandes vendedores se fazem. Não é algo inato e, não conseguem atingir o sucesso se não se souberem vender. Tudo isto, é aplicável a várias áreas da vida, profissional e pessoal.

Antes de mais, informe-se bem

Em troca do tempo disponibilizado pelos potenciais compradores – seja um produto, serviço ou uma ideia – ou por potenciais colaboradores numa entrevista, é importante dedicar algum tempo a informar-se sobre eles, sobretudo quando este tipo de informação se encontra atualmente “à mão de semear” como é o caso do LinkedIn, Google, Twitter (conta individual e de empresa), sites e Facebook.

Lembre-se: a primeira imagem que vende é a sua

Por muito bom que seja o produto ou o serviço, dificilmente consegue vender se não gostarem de si. Por isso, é tão importante uma apresentação cuidada e um conhecimento profundo da marca apresentada.

Contenha-se nas palavras

Conhecer as necessidades dos clientes é uma mais-valia. Ao contrário de vender, procure convencê-los que realmente a marca apresentada é uma necessidade. Se acreditarem que o produto ou serviço for uma mais-valia, certamente que o irão comprar. 

Avalie a real possibilidade de compra

Além de ser importante focar-se naquilo que o cliente precisa, é necessário ter em consideração aquilo que realisticamente ele pode dar em troca à marca. Se o orçamento que ele tiver disponível for X, talvez insistir em algo que lhe custe o quádruplo ou o triplo não seja a melhor ideia. Questione o valor acrescentado que o seu produto/serviço traz ao cliente e, o que fez aceitar reunir consigo.

Descomplique

Quando apresentar o produto ou serviço, não complique. Faça-o de uma maneira clara, para que qualquer pessoa possa compreender e avaliar rapidamente o potencial.

Apaixone-se pelo que vende

Uma das grandes chaves para o sucesso é realmente gostar daquilo que vende, seja um produto ou serviço. Conhecê-lo bem, demonstrar entusiasmo e estar a par de todas as suas vantagens é importante para estabelecer uma relação mais próxima com o cliente e para um resultado positivo.