Este website utiliza cookies para melhorar a navegação. Ao navegar no website estará a consentir a sua utilização. Para saber mais clique aqui.

Cortina Header
  Gestão Orçamental

Prever as suas despesas

Saiba mais »

 | Prever as suas despesas  | Prever as suas despesas
Casa

Compras de Natal: porque não deve esperar mais para começar

Publicado em 12-11-2018 por Cofina Conteúdos

A pouco mais de um mês de Natal é altura, se ainda não o fez, de começar a investir nas prendas para a família e amigos. Além de poupar nas despesas natalícias, será mais fácil surpreender a queles a quem mais quer com aquilo de que mais gostam.

Não é preciso fazer muitas contas de cabeça para perceber que o Natal se aproxima e a passos largos e com ele a azáfama típica da estação. Entre as noites que chegam mais cedo e o frio que já se instalou, convidando a ficar em casa, e a agenda cada vez preenchida, o tempo já não é muito e a tentação é procrastinar as compras de Natal até ser impossível adiar mais.

Trata-se de um erro comum, é certo, mas que se deve procurar evitar sob pena de ver desvanecer a alegria do Natal, devido ao stress e cansaço de deixar tudo para a última hora e de não conseguir escolher as prendas mais indicadas para cada pessoa da sua lista. Nem as mais indicadas, nem dentro do orçamento previamente definido muitas vezes, já que se acaba por comprar aquilo que “aparece”.

Primeiro passo: lista

Sentar-se ainda hoje a fazer a lista de prendas para este Natal é indubitavelmente uma excelente ideia. O tempo é ainda suficiente para escolher aquilo que os seus amigos e família de facto apreciam e usam. Mesmo sem sair de casa: pode aproveitar para navegar por alguns sites para recolher ideias de acordo com os gostos de cada um – se optar por comprar online, tem ainda tempo suficiente para receber tudo a tempo e horas, mesmo em sites estrangeiros. Tem também tempo q.b. para comparar preços e fazer as escolhas mais acertadas. Mais ainda: liberta tempo junto ao dia de Natal para desfrutar desta quadra, para ver as iluminações nas ruas, passear por algumas das vilas e aldeias que se transformam nesta época, muitas com presépios-vivos, como o de Priscos, por exemplo, outras com atrações originais, como Óbidos Vila Natal, ou mesmo ver os presépios de alguns shoppings… sem o corrupio das compras ou sacos atrás.

Orçamento

É por aqui que deve começar os preparativos para a quadra de Natal e não falamos apenas de prendas, mas também de alimentação, passagem de ano e vestuário e calçado se a situação o exigir. Defina depois a lista de pessoas às quais pretende oferecer uma prenda e a quantia máxima possível para cada uma. Para algumas será apenas uma lembrança, para outras, algo melhor, naturalmente. Se possui smartphone, pode sempre contar com a ajuda de uma app, como a Christmas Gift List, entre outras possíveis.

Fica a dica: guarde a lista para 2019 e vá aproveitando as diferentes oportunidades (ou porque viu a prenda em conta que é exatamente “a cara” da pessoa a quem gostaria de oferecer algo ou porque se encontra a um preço apetecível) – depois de comprar, guarde tudo no mesmo local para não se esquecer. Isto permite-lhe ainda separar todos os meses uma quantia só para este propósito.

Escolhas facilitadas

Se começar agora tem ainda uma boa margem de tempo, o que significa menos precipitações e menos descontrolo com os gastos. Mantenha sempre a lista consigo para não repetir compras para a mesma pessoa e ter a certeza de que ninguém foi esquecido.

Está provado que o tacto – tocar nas coisas – pode alterar a perceção do consumidor, por isso se pretende não fugir do orçamento estipulado e inclusive não atingir o seu limite, procure não tocar ou mexer nas “possíveis prendas” até se ter decidido, caso contrário arrisca a fazer piores opções financeiras.

É tempo de promoções

Se há altura em que os mails e SMS a anunciar promoções dão jeito é agora. Passe em revista os que tem recebido ultimamente e aproveite para adquirir algumas prendas a preços mais simpáticos.

Não se esqueça que no próximo dia 23 de Novembro é O Black Friday, uma sexta-feira com muitas promoções em várias lojas e que em alguns casos o dia é ampliado para toda a semana.

Online?

Na segunda-feira dia 26 de Novembro, há o Cyber Monday, uma iniciativa equivalente ao Black Friday mas apenas para compras online. Se perder este período de promoções pode optar por fazer parte das compras de Natal online noutra altura. Sempre encontra com relativa facilidade prendas específicas – ou demasiado populares – que de outra forma seria mais difícil ter ou que poderiam esgotar-se, como acontece com alguns brinquedos e tudo sem encontrões nem puxões. Não se esqueça que se fizer as compras online numa data muito próxima do Natal, é provável que não cheguem a tempo. Compre as prendas, pelo menos, com três semanas de antecedência.

Prendas personalizadas

Começar as compras natalícias atempadamente permite-lhe ter também tempo para passar com pelas lojas de comércio tradicional, feiras e mercados de Natal e descobrir presentes originais, muitas vezes únicos. Uns segundos no Google ou outro motor de busca bastam para descobrir algum pelas redondezas. Aproveite!


Palavras-chave: